sábado, 8 de dezembro de 2007

Memento de blogs

Existe um certo tipo de pessoas que são a antítese do querer aparecer pelo que está na voga. Da mesma forma que os que estão na moda tentam mostrar-se usando seus Nikes Shox, roupas de marca, e que tais, seus antagonistas fazem de tudo para mostrar que são contra, numa atitude idêntica, só mudando o discurso do “como você não tem, todo mundo têm?” para “como você usa isso, seu vendido ao capitalismo?”. Algo do tipo, a pessoa não ver televisão, e ter que contar para todo mundo que não vê, e que lê muito, é apenas o outro lado da moeda da patricinha que vai pra rave tomar bala para “causar”, e fica com aquelas danças estranhas que saíram da sessão da tarde. Resumindo : querer perfazer-se.

Chegando aonde eu queria, essa moda de memes tem sua razão de ser, e só não vê quem se acha dono da razão, ou acima da média, no que fica só no “achismo”. É uma ou outra pergunta sem mal algum, que serve para trocar leitores. Quem acha que é apenas uma corrente tipo pra Jesus olhar por nós, ganharmos na loto ou algo, não entende como funciona a internet. Memes são virais que visam trocar freqüentadores. Existem virais mais criativos como o Super-trunfo, a Cow Parade dos Blog, ou as figurinhas dos blogs, mas boa idéias não nascem toda hora. Você manda isso pra alguém através de um link, e a pessoa repassa, recebendo visitas dos leitores do blog que te mandou, e assim sucessivamente. Mas você só ganha se o seu blog tiver qualidade, e leitores nunca são demais, mesmo os malas. Se você quer “selecionar” quem entra no seu canto virtual, saia da internet e escreva um diário com fechadura, com adesivo da Hello Kitty.

Ah, as correntes são chatas? Concordo, existem algumas lamentáveis, mas daí a ficar gritando pra Deus e o mundo que “meu blog não é bagunça pra ter meme”, é de uma arrogância ímpar. A pessoa ganha um link de graça, e ainda quer dar piti? Faça-me o favor. Link nunca é demais, e qualquer um que tenha um blog possui um egocentrismo grande o suficiente para, no mínimo querer ser comentado e lido. Não quer fazer, não faça, mas não pendure uma melancia no pescoço pra pagar de culto, sábio e inteligente esculachando quem faz ou deixa de fazer. Se a vida de quem fala mal disso ou daquilo fosse realmente tão ocupada, não se fariam textos e textos só pelo prazer de se demonstrar ser sábio e inatingível por algo tão supérfluo.

Enfim, acaba que falar mal de meme se tornou hoje algo cult, quem fala bem é alienado ou bobo alegre, o que não deixa de configurar um modismo, já que é tendência hoje parecer inteligente, pois todos leram Nigwew Nietzha alemão maluco Nietzsche, Machado e afins, e muitos dos que denigrem querem apenas aparecer um pouco pelo fato de memes estarem no holofotes. Falar mal dá Ibope. Mas no final das contas, todo mundo sabe o final da novela ou quem ganhou o Big Brother.

-----------------------------------------------------------------------------------------------

Povo, daqui a pouco estarei no mentes com mais um texto preconceituoso feito por escravos anões da Letônia setentrional. Dá uns 40 minutos ai, e vão lá. O endereço é aqui.
Update: Já tá lá o post.

24 comentários:

Cafeína disse...

gostei do post, nota 8,5 porque você errou várias vezes o nome de 'Nitche', rs...(não resisti)

Troca de agrados sempre é bom e todos nós gostamos não é mesmo? Não há nada de alienado em quem curte meme, como não há nada de cult em quem fala mal. É tudo questão de entretenimento, política da boa vizinhança e sorte de quem sabe encontrar novas amizades e bons contatos...
E eu juro que nem eu entendi direito este meu comentário mas sei que concordo contigo...

Menina Malvada (Ou Kaka) disse...

Não defendo nem condeno os memes. Eu faço, tem quem faça, tem quem fale mal... São adversidades, por isso gostei do seu texto, porque todo mundo gosta de rotular essas adversidades da maneira que lhes convém ou que é moda...

Aliás, bem dito que a moda agora é ser inteligente e culto... São os "pseudo-intelectuais", andam dominando a massa jovem de classe média... Quer saber, é mais um modismo e pronto, amanhã ninguém lembra mais, assim como aquele primeiro meme que me mandaram e que eu nem sabia o que era meme! Hahahaha!

Beijocas

blog disse...

Camarada, nem todos sabem os finais de telenovela. Nem todos assistem a Big Brother.
E quer saber? Muitos dos que dizem que leram Nietzshe na verdade nem sabem a nacionalidade dele.
alguns ouveem "Nietzshe" e dizem "saúde!"

Vale como puxão de orelha nesses caras.
É isso!

Luca disse...

Sinais de mementos traumáticos

Dona Moça disse...

Eu gosto de memes!

Serei eu uma boba alegre? ^^

Graziela - A Louca disse...

gostei do teu blog... e é mais ou menos assim como tu disse...
a questão é que agora tudo depende da moda (exceto para alguns)..
a opinião de muitas pessoas varia de acordo com a "opinião da moda"...

Vênus disse...

Marcelo
Eu tinha que comentar este post,né mesmo?Afinal,quem mais fala mal de Memes ,por aqui?Euzinha ...

Bem,vc sabe a minha opinião.Não gosto de Memes porque nos tira a liberdade de postar sobre o que escolhemos...Não comprei a idéia...mas,isso não me impede de colocar links de todos aqueles que curtem....
É aquilo:Ser livre e deixar que o outro seja!
Outra coisa:Não sou "patricinha',ralo pra caramba,não sou pseudo intelectual e nem gosto de Nietsczhe...prefiro "Martinho da Vila"! Ah..e linko todos os blogs de que gosto!
belo domingo

Anônimo disse...

Oi! Vi seu blog indicado em outro blog e resolvi passar por ak p dar uma olhada e, sinceramente: Não achei a mínima graça...fez jus ao nome "fabrica de bobagem".

Marcelo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kemp disse...

O final é TUDO!
Falar mal dá Ibope. Mas no final das contas, todo mundo sabe o final da novela ou quem ganhou o Big Brother.

Psicopata disse...

Nunca fiz meme, nada contra hehe
porem nunca recebi convite para participar... alguns são ridiculos, outros sao bem divertidos e construtivos...
Abraço

Persona disse...

nem me fale em memes..

estou com uns 4 atrasados, mas vou fazer ainda....

assim que eu tiver tempo.. até o final do ano sai.

beijos

Débora disse...

oi,Marcelo
Ainda não analisei seu Blog,mas ele foi como apêndice num texto que publiquei do Blog "Ai,meus Sais" da Juliana...
Se quiser que eu dê uma nota para seu Blog,comente o post ....
Estou de "Olho no seu Blog!"
abraço

camilinha_goes disse...

Nossa o que falar, acabei de responder a um meme que ninguem me mandou, só por que achei interessante hehehe sei lá, alguns memes que recebi não respondi pois não tinha a ver com o meu blog, então é isso, no meu blog só entra o que eu quero, é egoísmo, eu sei, mas fazer o que é assim que é...

Bjsss

neTrop!k@lista disse...

._.'

Sore disse...

EU NÃO ASSISTO TV
mas ninguém sabe!!

Juliana Freitas disse...

"Oi! Vi seu blog indicado em outro blog e resolvi passar por ak p dar uma olhada e, sinceramente: Não achei a mínima graça...fez jus ao nome "fabrica de bobagem"."

Eu também não acho a mínima graça... nem sei porque é que venho ler esta droga todo dia... =P

Maria Luiza disse...

ah, não gosto de memes.
Chatos. Só pq vai linkar não significa que seja bom.
Criatividade é o que há.

Jéssica Torres disse...

Ótimo saber que você pensa assim! Porque advinha?! Tem Meme pra ti no meu blog (eu não estou brincando!)!

E vamos! Acho mais bitolado quem acha que assistir Tv vai te deixar bitolado (mostrando assim falta de personalidade e idéias próprias) do que quem realmente assisti Tv!
Acho ainda mais bitolado quem quer mostrar pra todo mundo que é cult! Só porque ser cult esta na moda! ¬¬
Mas enfim, já li Nietzsche, já li Machado, já li Shakespeare, já li Poe, não costumo ver muita TV e ainda assim acho legal responder Meme's!

neTrop!k@lista disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
neTrop!k@lista disse...

que é meme?

Phernando Faglianostra disse...

Eu adoro memes, desde que eles sejam enviados pelo UOL, Globo.com ou pelo Terra...

Juliana Freitas disse...

Houve problemas de interpretação de texto por aqui?

neTrop!k@lista disse...

*excluído/deprimido*