sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Limpeza

Tanto tempo sem postar deixou acumular bastante lixo aqui no recinto. Contratei uma empregada doméstica, com a bunda da Juliana Paes, os peitos da Pamela Anderson e o cérebro da Luciana Gimenez. Porém, ela fugiu quando chegou para a entrevista. Acho que o pote de manteiga e o fato de minhas genitálias estarem coberta com chantilly influenciou no fato.
Então, sem empregada, tive que arregaçar as mangas, embora estivesse sem camisa, e ir para a guerra. Comecei pelo banheiro. Para limpá-lo, comprei C4 e dinamite. Acredito que o vizinho reclamou algo depois de findado o serviço, porém, minha nova condição de surdo após as explosões não colaborou muito para nosso diálogo
Segunda parte, a cozinha. Ex-funcionários sempre que eram demitidos deixavam caixas de papelão com presentes para minha estimada pessoa. Todavia, nunca os abri, e mandava para a cozinha, onde eram feitas as refeições do famoso "Penicão da Fábrica". Estranhei o cheiro de merda do lugar, e joguei gás mostarda em todos os cantos. O problema foi ter perdido o olfato após o serviço.
Em seguida, continuei a assepsia com o objetivo de assear a sala de reuniões. Lá estavam pilhas de documentos de negócios escusos que não de onde poderiam ter vindo. Uma equipe da Polícia Federal me aguardava com um mandado de prisão, mas não pude assinar, pois repentinamente fiquei cego. Eles ainda pediram informações a respeito de um certo ex-funcionário que tem contas nas Ilhas Cayman, mesmo sendo faxineiro e morando num barraco, mas como um passe de mágica também fiquei mudo.
Ao chegar em minha casa e exausto após a cansativa faxina, refestelei-me com um Uísque vendo um filme pornô. Ao mesmo tempo, ouvia "Pinball Wizard" e cantava junto com Roger Daltrey. Amanhã irei ao fliperama do lado do trabalho, e só posso dizer a quem não entendeu ouvir mais rock sessentista.


Ah, contratei uma empresa de limpeza, minha faxina ficou uma merda.

____________________________________________________________________

A comunidade da Fábrica no Yakult pra quem não sabe é aqui. Não que alguém deseje adentrar. Sinceramente, não entro em comunidades que me aceitem como membro.

3 comentários:

Franco disse...

a pessoa q eh dona do blog ta tao na miséria q anda comendo palavras..

ou seria o excesso de álcool??

Amigao disse...

hehehe, eba um texto novinho.

Juliana Freitas disse...

Fas tanto tempo que eu não jogo fliperama... Mas acho que primeiro preciso arrumar um trabalho...